Cuidados Com As Crianças Nas Férias
21 de dezembro de 2018
Óculos escuros para bebês e crianças – é obrigatório?
22 de janeiro de 2019

A prematuridade do bebê necessita de muita atenção, em razão de que nem todos os órgãos podem estar completamente formados.

A visão é o último sentido a se formar, por volta da semana 38 de gestação.

A retinopatia da prematuridade, que é uma das principais causas da cegueira infantil. Consiste no crescimento desorganizado dos vasos sanguíneos que suprem a retina, que é a camada mais interna do globo dos olhos do bebê.

Esses vasos podem sofrer sangramento e em casos mais graves, causar o deslocamento da retina e até a perda da visão da criança.

Bebês prematuros com retinopatia da prematuridade devem ser acompanhados semanalmente por um oftalmologista.

Além disso, o bebê que tem seu nascimento prematuro está mais suscetível a outras problemas de visão ao nascer e durante a vida, como:
  • Erros Refrativos – graus altos de miopia, hipermetropia e astigmatismo;
  • Estrabismo – desvio de um ou de ambos os olhos;

Por isso, é importante que o primeiro exame oftalmológico seja feito ainda na maternidade por um Oftalmologista especializado.

Após receber a alta da maternidade o acompanhamento do bebê prematuro deve continuar com uma equipe interdisciplinar. Para que sejam feitas constantes avaliações da funcionalidade da visão, o processamento da visão e a integração sensório-motora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *